terça-feira, setembro 08, 2009

No fim de semana a possibilidade de estar com um grupo de amigos, muitos deles, "desaparecidos" há muito.
Foi bom, apesar da constatação dos quilos a mais, ou arrobas no meu caso.
As memórias adormecidas retomam um fio próprio e vou-me lembrando de episódios, de conversas, de outros tempos.
Interessante como o tempo passa e por vezes nem damos por isso. Poder falar, abraçar, estar com pessoas, perdão, amigos que não víamos há um ano, há dois, há quatro. O tempo vai passando...